das palavras que não voam

wings
Preciso organizar as palavras
Que voam perdidas em minha mente vazia
Preciso cortar as asas dos sonhos perdidos
E cravar raízes na realidade crua
Esquecer daqueles dias que não vivi
Apenas presenciei entorpecido pelo tempo

Vou deixar de ouvir as vozes que me chamam no vento
Vou parar de ler palavras de amor em papéis em branco
Acreditar no que me diz o vazio da sala
Entender a mentira no canto dos pássaros

O coração que bate do lado de lá
Decerto que não acerta nas suas emoções

Vou arrancar as asas que você me deu
Pois onde moro
Já não existe a brisa pra que eu possa voar

Adeus.

wishes and dreams

Eu queria dar nome a tudo o que eu sinto
Eu queria ter em minhas mãos tudo o que não entendo
Queria poder te dizer tudo o que percorre em minha mente
Queria encontrar as vozes que me fazem sentir tudo isso
E dizer pra elas que não as escuto
E vê-las sem saber que estão ali
Queria que surgissem claras as explicações
Pra tudo que está perdido na escuridão da minha alma
Eu poderia te dizer que tudo o que se passa comigo
É extremamente comum em relação aos absurdos que posso imaginar
Eu poderia te olhar eternamente
Sem perceber que nunca compreendi realmente o que é você
E eu até que gostaria de poder analisar tudo o que passa ao teu redor
E até poderia pensar em te amar pro resto de minha vida
Eu queria acreditar realmente em tudo o que escrevo e penso
Sei que poderia passar o resto da minha vida me enganando
Mas a vontade de acreditar nas minhas mentiras
A vontade de acreditar que minhas confusões são comuns
E que eu poderia passar a minha vida tão distante de você
Sem que deixasse um dia sequer de me lembrar de você
O fato é que é difícil quando se está sozinho
Remoendo as lembranças que não vivemos
E queria poder não ter vivido tais coisas
Não que eu não quisesse memórias suas na minha vida
Apenas não gostaria que elas me atormentassem de tal forma
Atualmente a única coisa que eu realmente gostaria de saber
É se da mesma forma você se perde em pensamentos
Remoendo as memórias de tudo o que não vivemos
E se de fato você também não gostaria que essas lembranças não existissem
Eu queria encontrar essas respostas nas vozes que me atormentam
Eu queria encontrá-las quando passo horas a olhar pro teu rosto em fotos antigas
Eu queria poder esquecer e viver em paz.

only voices

Apenas de longe eu ouvia tua voz
E da distancia em que você se encontrava
Eu nada compreendia
Apenas gritava a sua procura
Mesmo sabendo que você já não estava mais lá
Apenas teu fantasma me assombrava
Apenas as lembranças desfiguradas de dias passados
Em que eu apenas te perguntava
Se tudo aquilo era real
A tua voz já não me é mais familiar
E quando penso nela imagino milhares de vozes diferentes
Juntas em uma só voz
Me dizendo todas as coisas que costumava dizer
Tentando me enganar
Dizendo que esses espectros que me assombram
São de fato lembranças tuas
Mas as lembranças que tinha de você
Já não existem mais
Nem ao menos em minha mente ou coração
As palavras que costumavam me tranqüilizar
Agora é tudo o que me assombra enfim
E agora os sussurros quem vem em minha mente
São apenas para me lembrar
De que as palavras que me atraem em docilidades
Vem da mesma boca que também me trata com ferocidade
Assim percebo que por palavras não devo mais me encantar
E que por fim
Talvez seja pelo silencio eterno que eu deva me apaixonar.