sobre os teus sonhos

Ouço
Não sei o que ainda
Mas parecem sussurros seus
Após uma noite mal dormida
Como chegam aos meus ouvidos
Não sei
Ouço
De tua boca
Apenas o que em meus sonhos posso elucubrar
Tua boca é silenciosa
São apenas teus olhos que me dizem
O que quer, o que sonha, seus desejos
Não sou nada na tua vida
Pois nem ao menos me conhece
Mas sei que de alguma forma
Também vivo em teus pensamentos
Mesmo que seja apenas em sonhos perdidos
Em noites mal dormidas
Quando o calor e a insônia te fazem ter alucinações
Alucinações com pessoas e lugares desconhecidos
Sonha perdida com o garoto dos olhos dourados.

wishes and dreams

Eu queria dar nome a tudo o que eu sinto
Eu queria ter em minhas mãos tudo o que não entendo
Queria poder te dizer tudo o que percorre em minha mente
Queria encontrar as vozes que me fazem sentir tudo isso
E dizer pra elas que não as escuto
E vê-las sem saber que estão ali
Queria que surgissem claras as explicações
Pra tudo que está perdido na escuridão da minha alma
Eu poderia te dizer que tudo o que se passa comigo
É extremamente comum em relação aos absurdos que posso imaginar
Eu poderia te olhar eternamente
Sem perceber que nunca compreendi realmente o que é você
E eu até que gostaria de poder analisar tudo o que passa ao teu redor
E até poderia pensar em te amar pro resto de minha vida
Eu queria acreditar realmente em tudo o que escrevo e penso
Sei que poderia passar o resto da minha vida me enganando
Mas a vontade de acreditar nas minhas mentiras
A vontade de acreditar que minhas confusões são comuns
E que eu poderia passar a minha vida tão distante de você
Sem que deixasse um dia sequer de me lembrar de você
O fato é que é difícil quando se está sozinho
Remoendo as lembranças que não vivemos
E queria poder não ter vivido tais coisas
Não que eu não quisesse memórias suas na minha vida
Apenas não gostaria que elas me atormentassem de tal forma
Atualmente a única coisa que eu realmente gostaria de saber
É se da mesma forma você se perde em pensamentos
Remoendo as memórias de tudo o que não vivemos
E se de fato você também não gostaria que essas lembranças não existissem
Eu queria encontrar essas respostas nas vozes que me atormentam
Eu queria encontrá-las quando passo horas a olhar pro teu rosto em fotos antigas
Eu queria poder esquecer e viver em paz.

alucinações de uma mente entorpecida

Ontem eu dormi, pensando que não mais acordaria
E em meus sonhos e delírios era você que surgia
Em fotografias perdidas e marcadas do tempo
Onde você sorria e de mim se escondia
Em sua fuga me perdi tentando não te perder
Em minhas alucinações eu te chamava
E chorava pedindo pra que voltasse
Durante uma hora me lancei em sua busca
Quando acordei pareciam minutos perdidos em alucinações
Alucinações as quais você não deixa de estar presente
Não deixará de ser o meu karma e a minha sina
Não deixará de ser o impossível que vivo a buscar.

sobre a esperança


De repente ele se deu conta do tempo que passou
Já não sabia se eram meses ou anos
Se deu conta de que não poderia mais esquecer
Suas tentativas infundadas ao longo de todo esse tempo
Tentou se enganar por algumas vezes
E chegou a acreditar de fato que esquecera
Mas seus olhos sempre estavam em busca daqueles olhos
As lembranças o invadiam de tal forma
Que já não sabia mais o que de tudo aquilo era sonho ou realidade
Apenas voltava a sonhar com ela
Sem se lembrar que sonhava com ela
Todos os dias
Desde que resolvera esquecê-la
Chegava à conclusão que existem amores impossíveis
E amores impossíveis de se desistir
Não sabia em qual se encaixava
Mas rezava para que não fosse impossível de qualquer forma
O fato é que sabia que jamais a esqueceria
Mesmo tendo ela novamente em seus braços
Mesmo sem saber se ela voltaria.


entre sonhos e realidade

Passava horas e horas apenas olhando

E sem saber o que fazer minha mente fugia pra você

Os pensamentos passavam devagar

Sem me deixar perceber quantas horas deixava passar

Talvez pensar em você seja tudo o que eu queira fazer
Mas já me perdi demais tempos atrás
Pensando que pensar seria o suficiente para amar
Me deixei perder nos pensamentos que me levavam a você
E agora é em você que minha mente se perde a vagar

Acordar de sonhos assim
É quase como percorrer uma maratona
Sem competir com ninguém

Só me resta o fim sem recompensa alguma.
Só me resta o fim e a realidade crua.