das palavras que não voam

wings
Preciso organizar as palavras
Que voam perdidas em minha mente vazia
Preciso cortar as asas dos sonhos perdidos
E cravar raízes na realidade crua
Esquecer daqueles dias que não vivi
Apenas presenciei entorpecido pelo tempo

Vou deixar de ouvir as vozes que me chamam no vento
Vou parar de ler palavras de amor em papéis em branco
Acreditar no que me diz o vazio da sala
Entender a mentira no canto dos pássaros

O coração que bate do lado de lá
Decerto que não acerta nas suas emoções

Vou arrancar as asas que você me deu
Pois onde moro
Já não existe a brisa pra que eu possa voar

Adeus.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s