lembranças inexistentes

Eu lembro de cada momento que não vivi
Lembro de cada dia que não existiu
Lembro de tudo por o que não passamos
E das palavras nunca ditas
Recordo cada sentimento não vivido
E de cada olhar que não foi trocado
Lembro das tuas palavras que nunca existiram
E de tudo o que perdemos e nunca foi encontrado
Em minha mente estão as juras inacabadas
As caricias não trocadas
E a esperança que nunca foi criada
As lembranças que existem em minha mente
São de tudo aquilo que vivemos
E que nunca verdadeiramente existiu
Dos dias que não vivemos juntos
E do amor que ninguém admitiu.

Anúncios

Um comentário sobre “lembranças inexistentes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s