medo do medo

winter smile

As vezes quando estou acostumado com a forma de vida que levo
Quando olho em volta e a podre rotina está consolidada
Tenho medo da mudança pra melhor
Tenho medo de melhorar meu estilo de vida
Medo de perder tudo de novo
Penso que seria melhor me manter comodamente nessa imundice
Mas só de pensar que sou capaz de me conformar com tal vida
Me irrito e penso que talvez seja tudo isso o que realmente mereço
Quando a vida me sorri
Quando estou acostumado com faces furiosas
Tremo de medo
Mas enfim percebo que o medo é o que me faz regredir
E que tal medo é o que me faz voltar ao lixo quando estou realmente vivo
O medo de viver
Que tantas vezes aponto em diversas pessoas
E critico por elas não terem coragem de viver
É o mesmo que existe em mim
Mais uma vez tento lutar contra tal sentimento
A vida bate novamente a minha porta
E peço a deus
Que a felicidade persista
Que o medo não se aproveite de minhas fraquezas
E que a morte seja mais bem vinda
Do que cair novamente
Que assim seja.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s